Armadilha para Ratos RADAR

Controlo de Roedores sem Químicos

Ligue-nos para uma Inspecção Gratuita para 808 20 20 18  ou Contacte-nos

Fiabilidade aliada à experiência de 35 anos em Portugal

Certificados na Norma NP EN 16636 e ISO 9001

Soluções inovadoras, eficazes, rápidas e discretas

Controlo de Roedores sem Químicos

Os Rodenticidas são um meio eficaz de Controlo de Roedores, no entanto, muitas pessoas ficam receosas de utilizar produtos químicos venenosos na sua Casa, especialmente na presença de crianças e animais de estimação. Neste sentido, existem alguns métodos de Desratização alternativos, no entanto, é necessário algum cuidado e competência para obter resultados eficazes.

Nenhuma das metodologias é isenta de riscos ou garante a obtenção de resultados, uma vez que isso depende da forma como as mesmas são aplicadas. Tanto os Roedores vivos como mortos podem propagar doenças infecciosas e parasitas. Além disso, é essencial que cada método escolhido seja apoiado por medidas de prevenção, para impedir que os Ratos e as Ratazanas tenham acesso a comida e abrigo, certificando-se de que não podem voltar.

Na escolha de um método de Controlo de Roedores, deve-se ter em consideração:

  • A escala da Infestação;
  • A competência da pessoa responsável pelo trabalho;
  • Os riscos para outras pessoas, animais de estimação e vida selvagem.

Armadilhas para Roedores

Armadilhas com Isco

As Armadilhas geralmente requerem a utilização de um isco para atrair os Roedores. Os mesmos têm uma visão deficiente, mas um paladar e um olfacto altamente desenvolvidos para localizar alimentos. Os Ratos e as Ratazanas precisam de comida fresca, de preferência com um aroma que os atraia suficientemente perto para serem capturados.

Eles preferem cereais, carne, peixe, nozes e também irão comer diversos alimentos processados, como manteiga de amendoim, chocolate, geleia e queijo (embora este não seja o seu alimento preferido, como muitos nos levam a crer).

Timidez perante Armadilhas com Isco

Os Ratos inicialmente evitam qualquer elemento novo colocado no seu ambiente e, posteriormente, investigam-no com precaução. Este "medo do novo", ou neofobia, pode levar alguns dias a superar. Para todos os Roedores, se existe uma experiência adversa, a timidez pode durar semanas ou meses. Com Iscos de comida, eles podem primeiramente comer pequenas quantidades para testar o sabor e a reacção antes de o aceitarem.

Ao colocar armadilhas com comida, mas sem as accionar por algum tempo, vai contribuir para que os Ratos e as Ratazanas superem qualquer timidez em relação à Armadilha e ao Isco.

Armadilhas de pressão/mola

As Armadilhas que são projectadas para eliminar Roedores com mola precisam de ser usadas com alguma habilidade, no sentido de se posicionar correctamente e evitar afectar outros animais selvagens, animais de estimação e crianças. As Armadilhas têm vantagens sobre os Rodenticidas quando se trata de pequenas Infestações em pequenas estruturas, como em Casas e garagens, como por exemplo:

  • Evitam o uso de químicos tóxicos;
  • São baratas;
  • Permitem que o utilizador veja facilmente se um Roedor foi capturado;
  • Capturam o Roedor, facilitando a eliminação do seu corpo e evitando os odores provenientes da sua decomposição num local inacessível ou de difícil acesso.

As Armadilhas devem ser colocadas nas zonas de passagem dos Roedores, geralmente junto a uma parede, atrás de objectos como frigoríficos ou armários. Coloque o lado do gatilho nivelado contra a parede, ou use duas Armadilhas com os gatilhos em direcções opostas. Poderá precisar de colocá-las em diversos locais para atingir a população da Praga de forma rápida e eficaz. Se puder colocar as Armadilhas numa rota que sabe ser utilizada pelos Roedores regularmente, então poderá nem precisar de usar Iscos – isto porque ao passarem apressadamente, vão simplesmente esbarrar nas Armadilhas.

As Armadilhas devem ser verificadas frequentemente para se proceder à remoção dos Roedores capturados entretanto. Além disso, elas nem sempre provocam a morte do animal, por isso deve vê-las regularmente para eliminar humanamente qualquer Roedor que esteja preso e vivo. Se as Armadilhas forem utilizadas no exterior, devem ser colocadas em túneis naturais ou artificiais para alcançar a Praga de Roedores e proteger o Isco da chuva, bem como animais que não pretenda capturar.

Armadilhas de captura viva

Estas apresentam um mecanismo de captura por mola ou desbloqueio electrónico que fecha a porta do dispositivo quando um animal acciona o mecanismo. Tal como acontece com as Armadilhas de mola, os animais são atraídos pelo cheiro da comida, portanto, é necessário introduzir alimentos atractivos e frescos sobre o mecanismo de ativação e renová-los quando os mesmos se deterioram.

Estas Armadilhas devem ser verificadas frequentemente para libertar quaisquer animais capturados que não façam parte da Praga alvo.

Armadilhas de Electrocussão

Estas são Armadilhas fechadas que detectam a entrada de um animal, fecham as entradas e emitem uma carga eléctrica de alta tensão através de algumas placas metálicas na base do dispositivo para eliminar o Rato ou a Ratazana. As placas metálicas devem ser mantidas limpas para assegurar que a carga adequada é descarregada no Roedor. Estas Armadilhas são dispendiosas e nem todas podem ser usadas no exterior, devido à utilização de rede eléctrica e à falta de protecção dos componentes da chuva e da humidade.

Tal como acontece com outras Armadilhas, poderá precisar de vários dispositivos e os mesmos têm que ser verificados frequentemente para remover quaisquer animais mortos. Os fabricantes dão relevo como vantagens deste método uma morte limpa e a fácil eliminação dos resíduos sem manusear o Roedor, no entanto, outros animais que não a Praga alvo podem também ser mortos pelo mesmo dispositivo.

Placas de cola

Estas placas estão disponíveis em algumas superfícies comerciais, mas são consideradas desumanas por alguns especialistas. Tratam-se de placas de tamanhos variados, cobertas com uma cola muito pegajosa, muitas vezes misturada com um aroma alimentar, concebidas para imobilizar um animal que passe sobre elas. Como não são discriminantes, podem capturar outros animais, incluindo animais de estimação, Cobras (algumas são vendidas especificamente para capturar Cobras), Aves e Morcegos, por isso precisam de ser verificadas regularmente.

O animal não é morto pela armadilha, o que significa que quando captura um Roedor precisa de saber como eliminá-lo humanamente. Os animais sofrem dor e stress e podem magoar-se ao tentar escapar das placas de cola. Eles podem ficar cobertos com a própria urina e fezes enquanto entram em pânico e lutam para se libertar. Se deixado lá, o animal vai sofrer de desidratação, fome e exaustão, morrendo após 3 a 5 dias.

Existe risco também para quem tente retirar o animal vivo: desde ser mordido pelo animal assustado e descontrolado a ser contaminado pela urina e fezes do animal, tanto na placa como na área circundante.

Armadilhas de Alta Tecnologia

A tecnologia de hoje em dia pode fornecer uma “melhor armadilha para Roedores”. A Rentokil desenvolveu a armadilha para Ratos RADAR para Controlar esta Praga de forma Humana. Trata-se de um dispositivo em forma de caixa rectangular com uma entrada em cada extremidade para o Rato entrar. Quando o Rato passa pelos detectores de infravermelhos é desencadeado um mecanismo que fecha as portas e sela o dispositivo. É automaticamente libertado dióxido de carbono para eliminar o Rato de forma rápida e Humana e mantê-lo isolado do exterior para evitar qualquer perigo de contaminação.

Uma luz de aviso no exterior da unidade assinala que um Rato foi capturado e um sinal automático pode ser transmitido através de uma rede de rádio e internet para registar a captura e alertar o Técnico de Serviços responsável de que a unidade necessita de atenção..

Este dispositivo foi projectado para uso em Empresas, onde um elevado grau de Higiene e Controlo de Pragas seja essencial, bem como os registos detalhados das medidas de Controlo de Pragas para requisitos Legais.

Repelentes de Roedores

Ultrassom

Os Ratos e as Ratazanas podem ouvir e comunicar através frequências de ultrassom superiores à amplitude auditiva dos Humanos, Cães e Gatos.

Considera-se, portanto, que o ultrassom de alto volume é capaz de repelir Ratos e Ratazanas sem afectar seres Humanos, Cães e Gatos. No entanto, o ultrassom dissipa-se rapidamente com a distância e é bloqueado por objectos, pelo que é improvável que o som se propague para muito longe num espaço grande e complexo - como uma Casa. Existem apenas alguns indícios de que o ultrassom tenha um efeito, embora limitado, quando utilizado em espaços muito pequenos.

Existem diversos dispositivos electrónicos no mercado que produzem ultrassons especificamente direccionados para repelir Ratos e Ratazanas - e alguns afirmam repelir todo um conjunto de Pragas. No entanto, os Estudos realizados desde a década de 1970 têm obtido repetidamente resultados que indicam que, em condições controladas, o ultrassom tem um pequeno efeito a longo prazo sobre o comportamento dos Ratos e Ratazanas, uma vez que eles se habituam ao som. O seu efeito pode durar apenas alguns dias e pode depender das frequências ultrassónicas utilizadas e da sua intensidade.

Na verdade, os Roedores são facilmente assustados com quaisquer ruídos estranhos, mas habituam-se rapidamente aos mesmos, especialmente se nada adverso acontecer simultaneamente ao ruído. Isto significa que é imprescindível a utilização de métodos de Controlo de Roedores, bem como métodos de Prevenção e limitar o uso de ultrassom ao seu papel enquanto apoio na dissuasão da Infestação.

Odores repelentes

Os Roedores podem considerar alguns odores repelentes, como amónia ou bolas de naftalina e o senso comum afirma que diversas fragrâncias de plantas os repelem, no entanto, nenhum destes é eficaz, porque assim como outros repelentes, os Roedores rapidamente habituam-se a eles.

Gatos e Cães

Os Gatos e os Cães podem apanhar Ratos e existe uma longa história de criação de Cães, como os Terriers, para Controlo de Roedores em Quintas e Casas, principalmente antes do surgimento dos venenos e ratoeiras. O esqueleto de um Cão semelhante a um Terrier (identificado através do seu ADN) foi mesmo encontrado no naufrágio do navio de guerra de Henrique VIII, o Mary Rose, que se afundou no Solent, na costa Sul de Inglaterra em 1545.

No entanto, os Gatos e os Cães não são controladores eficientes de populações de Roedores em áreas urbanas, já que os Ratos podem facilmente encontrar lugares para se esconder dos animais de estimação e aprender a evitá-los na maior parte das vezes. Os animais de estimação bem-alimentados em ambientes domésticos terão pouco incentivo para caçar e não serão capazes de aceder a muitos dos lugares da casa frequentados pelos Ratos. Os Ratos e as Ratazanas podem até prosperar na presença de animais de estimação, vivendo da sua comida, especialmente quando eles são mantidos no exterior.

Bibliografia

Robert M Timm. Norway rats. The Handbook: Prevention and Control of Wildlife Damage. Paper 5. University of Nebraska – Lincoln. http://digitalcommons.unl.edu/icwdmhandbook/5

Rats. Integrated Pest Management Program, University of California Division of Agriculture and Natural Resources. http://www.ipm.ucdavis.edu/PMG/PESTNOTES/pn74106.html

Rats: options for controlling infestations. Natural England Technical Information Note TIN057.

DeGomez T, Aflitto N. Sonic pest repellents. University of Arizona, College of Agriculture and Life Sciences, 2014. http://arizona.openrepository.com/arizona/bitstream/10150/333139/1/AZ1639-2014.pdf

The Humane Society of the United States. Scrap the Trap When Evicting Wildlife. http://www.humanesociety.org/animals/resources/tips/scrap_the_trap.html

How well do dogs and other animals hear? http://www.lsu.edu/deafness/HearingRange.html

The Mary Rose Museum. Identifying an old dog with new tricks. www.maryrose.org/identifying-the-mary-rose-dog


Próximos Passos

Encontre a SUA Delegação

Código Postal