Fiabilidade aliada à experiência de 35 anos em Portugal

Certificados na Norma NP EN 16636 e ISO 9001

Soluções inovadoras, eficazes, rápidas e discretas

Parabens Rentokil

A Rentokil celebrou o seu 90º aniversário no passado dia 9 de Novembro e o Palácio de Westminster foi o local escolhido para a celebração desta data. Dificilmente se poderia ter escolhido um local mais apropriado, pois foi precisamente aqui que começou a história da Rentokil. No início do século XX, o telhado do Westminster Hall, edifício erguido em 1393, estava com uma Infestação de Bicho da Madeira, em específico de Caruncho dos Móveis (Xestobium rufovillosum).

O Professor Harold Maxwell-Lefroy, do Imperial College, foi chamado para encontrar uma solução para o problema. Ele criou o primeiro químico líquido projectado especificamente para o Controlo de Insectos perfuradores de madeira. Após o seu sucesso na protecção do telhado do Westminster Hall, ele quis comercializar o seu produto como Entokil mas o nome já tinha sido registado, pelo que decidiu adicionar um “R” antes e foi assim, que em 1925, a Rentokil Limited nasceu e começou uma bonita história com, agora, 90 anos. 

Para celebrar esta data, a Rentokil e o Jornalista Rob Gray decidiram lançar o livro “The Pest Detectives” que documenta a história dos 90 anos da Rentokil. 

Chris Heaton-Harris, Membro do Parlamento de Daventry e anfitrião do evento, deu as boas vindas aos convidados (clientes, fornecedores, accionistas e alguns funcionários de longa data da Rentokil) e usou as suas contas do Facebook e Twitter para encorajar todos os Membros do Parlamento a irem até ao Pavilion Terrace e participarem no desafio “Pestaurant”. Aqui, os convidados encontraram uma grande variedade de Insectos cozinhados, como Grilos com sal e vinagre, ou o Pudim de Natal com sabor a Escaravelho amarelo da farinha. 

Por cada Membro do Parlamento que experimentasse, pelo menos, três Insectos diferentes, a Rentokil comprometeu-se a doar 500£ à Malaria No More, uma Insituição de Caridade com a qual temos colaborado regularmente.

Durante o evento, o CEO da Rentokil, Andy Ransom, falou do passado e do presente da Rentokil. Explicou como a Empresa começou devagar, que em 1935 tinha 10 funcionários e que naquele ano houve perdas de 64£. Que em 1953 havia ainda apenas 130 funcionários, mas que actualmente esse número subiu para 29.000 e que as receitas são de quase 2 biliões de libras.

Mais tarde, no final do evento, foi entregue a James Whiting, Director Executivo da Malaria No More, um cheque no valor de 30.000£. Este montante foi angariado por funcionários da Rentokil através das respostas dadas ao Inquérito de Satisfação Interno “A Tua Voz Conta”, pelas vendas do novo livro “The Pest Detectives” e pelo desafio “Pestaurant” feito aos Membros do Parlamento.

Andy Ransom, CEO da Rentokil e James Whiting, Director Executivo da Malaria No More

Andy Ransom, CEO da Rentokil e James Whiting, Director Executivo da Malaria No More