Ligue-nos para uma Inspecção Gratuita para 808 21 08 08  ou Contacte-nos

Processionária do Pinheiro

A Processionária do Pinheiro é originária do Sul e Centro da Europa. Nos últimos anos, esta Praga espalhou-se também para o Norte da Europa, possivelmente devido às alterações climatéricas. 

A característica principal da Processionária do Pinheiro é que esta espécie está coberta de pêlos, sendo que estes podem causar alergias e representam um risco para a saúde, já que causam irritação na pele que se manifesta através de erupções cutâneas e vermelhidão em várias partes do corpo, que podem durar várias semanas, ou através de irritação nos olhos e problemas respiratórios. 

Os factos que se seguem também contribuem para o efeito causado pela Processionária do Pinheiro: 

  • Cada Processionária do Pinheiro pode colocar até 200 ovos na copa da árvore. 
  • As Processionárias fêmeas são capazes de distinguir os tipos de Pinheiros apenas pelo cheiro e aspecto dos mesmos, “decidindo” desta forma, onde colocar os seus ovos. 
  • Pode-se chegar a encontrar até 2.000 ovos na mesma árvore, que ao eclodir irão dar origem ao mesmo número de lagartas. 
  • Cada lagarta tem cerca de 1.000 pêlos que podem provocar alergias e até mesmo problemas de asma.
  • As lagartas da Processionária do Pinheiro não mordem, mas os pêlos urticantes que libertam produzem irritações na pele de Humanos e animais.

Infestação de Processionária do Pinheiro

Identificar atempadamente uma Infestação de Processionária do Pinheiro é fundamental para conseguir eliminá-la, uma vez que a detecção precoce ajudará à realização dos tratamentos de remoção antes da Praga estar totalmente desenvolvida. 

Um dos factores mais importantes para identificar uma Infestação de Processionária do Pinheiro é a altura do ano, uma vez que a lagarta da Processionária estará em diferentes estágios do seu Ciclo de Vida em cada época.

Sinais de uma Infestação de Processionária do Pinheiro

  • Ninhos de seda nos topos dos Pinheiros - a partir de Dezembro.

  • Filas de lagartas a descer pelos troncos dos Pinheiros - durante a Primavera.

  • Pêlos urticantes libertados pelas lagartas - também durante a Primavera.

Ciclo Biológico da Processionária do Pinheiro

No Verão (desde final de Junho até final de Setembro), as Traças adultas da Processionária do Pinheiro acasalam, as fêmeas colocam os seus ovos nas árvores e o Ciclo Reprodutivo tem início. 

A partir daí os seus cinco estágios larvais (lagartas) começam. 

As primeiras lagartas nascem cerca de 30 a 40 dias após os ovos serem colocados e o seu comportamento é gregário. 

No seu primeiro, segundo e terceiro estágios (cerca de 10, 15 e 30 dias depois de nascerem, respectivamente), as pequenas lagartas alimentam-se das partes mais tenras das agulhas dos Pinheiros. 

Durante o terceiro estágio, geralmente no início de Dezembro, começam a formar-se os característicos ninhos de seda e já se desenvolveram os seus pêlos urticantes. 

A duração do quarto estágio é muito variável - desde 1 mês em zonas quentes até cerca de 3 meses em locais mais frios. 

A passagem ao quinto estágio dá-se durante o início da Primavera. Esta última fase é caracterizada por uma intensa alimentação - podem chegar a desfolhar completamente os Pinheiros. Este período, durante a Primavera, termina com o abandono do ninho e da árvore pelas lagartas já maduras, descendo pelo tronco em “procissão” (daí o seu nome de Processionária) para depois procurarem o melhor local no solo onde se enterrarem (e passarem assim ao estágio de pupa ou crisálida) a uma profundidade que varia entre os 5 e os 20 cm. 

De seguida, as lagartas tecem um casulo e transformam-se em crisálidas, que mais tarde, durante o Verão, transformam-se em Traças fêmeas e machos que voarão para acasalar. 

Próximos Passos

Encontre a SUA Delegação

Código Postal

Equipa local


Pesquisa


Preciso de ajuda com...

Contacte-nos


Contacte-nos

Residencial: 800 18 06 50 
Comercial:   808 20 20 18

Preencha o formulário abaixo e um dos nossos Especialistas entrará em contacto o mais rapidamente possível.

myRentokil